10 Dezembro, 2022
- Publicidade -

Graça Campos

254 POSTS 0 COMENTÁRIOS

António Costa não seria “digno” de chefiar Governo de Angola

0
Com o seu “miserável” rendimento de 116.000,00, valor ao alcance de qualquer “pedestre” da Sonangol ou de um qualquer banco angolano que se preze, Costa...

Vitória que não dá acesso ao “botão nuclear”

0
A interpretação que o Presidente João Lourenço faz dos resultados das eleições requer que a família MPLA e, nomeadamente, os seus cientistas políticos, lhe coloque...

As outras (duas)  dimensões do Simão

0
Há duas dimensões do Gustavo Costa também merecedoras de destaque.  O  Gustavo não parecia conformado com o seu tempo; parecia ter pretendido nascer antes.  Por isso é que,...

Manico isolado na cruzada contra o “VOTOU, SENTOU”

0
O presidente da Comissão Nacional Eleitoral já “vasculhou” toda a legislação afim e não encontra nenhum suporte para proibir o movimento cívico de fiscalização...

JARDIM DE ROSAS EM PRONTIDÃO COMBATIVA

0
No condomínio habitado, entre outros, pelo CEMG das FAA, estão a ser tomadas medidas consistentes com período de guerra Segunda-feira, 08 de Agosto, os moradores...

Um “flop” chamado Furtado

0
Há sensíveis três semanas, o general Francisco Pereira Furtado, Ministro de Estado e chefe da Casa de Segurança do Presidente da República, definiu-se como...

“CUNHAS” MADRUGADORAS

0
Embora o desfecho da actual batalha eleitoral escape às previsões até mesmo dos mais renomados matemáticos, alguns ministros que acompanharam o Presidente João Lourenço no...

PGR NEGOU A JES DIREITO DE SE DEFENDER

0
Ironia: Hélder Pitta Grós é um dos integrantes da “cavalaria” do Presidente João Lourenço que disputa em Barcelona os restos mortais do antigo líder...

A LEVIANDADE DO GENERAL

0
Passada a comoção nacional provocada pela morte do ex-Presidente da República, os partidos políticos, as igrejas e as organizações da sociedade civis sérias deveriam exigir...

JL: percalços ou premeditação?

0
Sempre possíveis num improviso, as escorregadelas e tropeços ganharam constância perturbadora no discurso do presidente da República.  Mas no presidente João Lourenço o que inquieta...